Polícia Civil pede por concurso público

Apesar do número
legal de delegados,
categoria reclama
por falta de efetivo

De todas as 27 unidades da Federação, apenas duas possuem o número de delegados legalmente estabelecido: Distrito Federal e Sergipe. Apesar disso, a polícia do DF pede por mais funcionários, pois o total seria insuficiente para atender à população da região. O maior problema é a falta de ampliação do quadro de funcionários e atualização da legislação distrital.

Ao todo, há 31 delegacias dedicadas às cidades do Distrito Federal. Outras 17 prestam serviços especializados. Dos 650 delegados, 250 estão aposentados. Os 400 restantes estão divididos entre plantonistas, que trabalham um dia e folgam três, e os chefes de delegacias.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia Civil (Sindepo-DF), Mauro Cezar Lima, a maior falta está no segundo caso, por conta da sobrecarga dos funcionários. “Um delegado faz hoje as tarefas de três outros, assim como os peritos, que fazem o serviço de três profissionais. A falta de pessoal compromete a apuração e faz com que inquéritos prescrevam por causa da demora”, avalia.

Segundo ele, desde a criação de Brasília não há aumento do número de oficiais, a solução seria a abertura de concursos públicos, para contratação de mais pessoal. “Embora a cidade tenha crescido, o número permanece. Temos uma legislação e um quadro de funcionários defasados, porque a segurança pública não é considerada uma prioridade para o governo distrital nem para o federal”, afirmou.

Lima informa que cada departamento de polícia possui cerca de quatro plantonistas, quando seriam necessários dez. Para ele, também é pouco haver apenas um delegado responsável pela administração de cada unidade. “O total ainda é insuficiente, abaixo do necessário para apurar os delidos e elaborar os inquéritos, especialmente com o alto número de crimes no DF”, concluiu.

Em comparação com os números nacionais, no entanto, a situação do Distrito Federal é melhor do que a de 25 estados. Apenas Sergipe também possui o número legal de delegados.  Faltam mais de 4 mil delegados no Brasil, quando se considera as legislações estaduais, que ao todo estabelecem 15.475 delegados contra os 11.304 atuais. O cálculo é feito proporcionalmente à população do estado e aos níveis de criminalidade.

Isaías Monteiro

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: